CUIDE DOS LOCAIS DE SUA AVENTURA - FLORESTAS TROPICAIS

Em terrenos montanhosos, as trilhas ficam muito suscetíveis à erosão durante o período chuvoso. Evite trilhas que não estão devidamente preparadas para uso intenso durante esta estação. Evite também caminhar sob fortes chuvas nestas trilhas: o ato de caminhar sobre terrenos encharcados facilita a movimentação das camadas superficiais, potencializando a erosão.

Em regiões tropicais úmidas, a vegetação costuma ocupar rapidamente uma trilha sem uso, principalmente se esta recebe algum sol. Esforce-se para passar por esses locais sem cortar a vegetação.

Lembre-se que a abertura e limpeza de trilhas devem ser previamente autorizadas pelo proprietário da terra ou administrador da unidade de conservação, conforme o caso. A abertura de trilhas deve ser realizada por pessoas experientes e após planejamento cuidadoso.

Caminhe em fila evitando o alargamento das trilhas, ao contrário do que se recomenda para regiões dominadas por campos. Cruzando com outros caminhantes pare e dê passagem, evitando pisotear a vegetação lateral.

Os solos tropicais com maiores concentrações de argila (aqueles que formam lama que gruda) são mais facilmente impactados pelo pisoteio. Não acampe em locais muito úmidos, com drenagem deficiente, pois em pouco tempo o solo e a vegetação estarão seriamente comprometidos.

Uma forma de causar menores impactos durante acampamentos é trocar a barraca pela rede, prática tradicional na região amazônica. Utilizada em conjunto com um mosquiteiro e um teto impermeável, possibilita pernoitar com conforto e segurança, independente das condições de umidade e inclinação do solo. A precaução que deve ser tomada é a proteção dos troncos das árvores nas quais a rede será amarrada. Utilize fitas largas que distribuem a pressão por uma superfície muito maior do que uma corda fina, evitando causar danos nas cascas das espécies mais frágeis. Evite também árvores muito finas que podem se quebrar com o peso. Nunca utilize pregos ou formas de fixação que prejudique as árvores.

Leia em Caminhadas e Acampamentos como fazer um acampamento de mínimo impacto.

Realização:

Centro Excursionista Universitário 

WWF.jpg

Apoio:

CEULogo.png
  • Facebook
  • Instagram
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now